Ode à carne de porco

3

21 de janeiro de 2013 por Felipe Tavares

Caso você ainda não tenha percebido, a carne de porco está na moda no mundo gastronômico. 

Depois de algumas alterações no processo produtivo e de algumas informações serem desmistificadas: carne muito gorda, criação descuidada, transmissão de doenças, entre outros. E, com incentivo dos produtores/governo com campanhas e baixa nos preços, o consumo da carne de porco vem crescendo bastante no Brasil. Mais info sobre os benefícios da carne de porco aqui.

mapa_suino

Isso sem falar no bacon que virou objeto de adoração por todos! \o/

E com o crescimento do consumo desta carne, vão surgindo novas formas de preparo, novos cortes, restaurantes/açougues especializados e chefs que entendem tudo de porco.

landgraf_folha

Alberto Landgraf – Foto: Folha de São Paulo

Um deles (ou o maior deles) é Alberto Landgraf do restaurante Epice. Landgraf se tornou o cara no último ano. Apontado como a maior revelação por vários chefs tops e imprensa especializada, já acumula dezenas de prêmios. Sem contar o Epice, que com pouco mais de um ano de funcionamento, está em todas as listas de melhores e mais influentes restaurantes do Brasil.

Claro que não é só por causa do porco, mas por defender uma cozinha autoral, dominar todo o processo produtivo dos alimentos, valorização dos fornecedores, etc. Procure sobre o Epice e o Landgraf, acho que eles saíram na capa de todos os blogs e revistas de gastronomia no último ano.

Mas a grande diferença dele para outros chefs é utilizar quase (Todas?!) todas as partes do porco em sua cozinha. Dá uma olhada neste vídeo e na facilidade como ele destrincha um leitãozinho lindo!

Abraços salivando,

Felipe Tavares

Anúncios

3 pensamentos sobre “Ode à carne de porco

  1. Beti Rocha disse:

    Olá a todos!
    O assunto é pertinente e bem abordado pelo Chefe Felipe. O artigo da APS é muito interessante e desmistifica uma série de mitos que povoam nossa mente ao longo dos anos. Lembro-me de quando éramos crianças. Nossa mãe – que, diga-se de passagem, detestava cozinhar, nos dizia pra “fugir das carnes de porco, porque ela fazia muito mal e até Jesus a tinha amaldiçoado”. Pense você ouvir isso da sua mãe, o efeito que dá rsrs. Realmente era pra ter medo mesmo. Se bem que, nas festas de final de ano, um ou outro vizinho fazia o “porco assado” ahh era mesmo irresistível. Lembro do aroma e sabor até hoje. Parece que temperavam com um tantinho de alecrim, acho. Confesso que ainda não me sinto segura o suficiente pra trazer esse bebezinho cor-de-rosa inteirinho pra minha cozinha. Em 26 anos de casada, só cozinhei o bichinho (bisteca) duas vezes. Acho que é por isso que não consigo me orgulhar do resultado: inexperiência. Talvez, ele bem assado, com aquela crosta dourada e por dentro bem macio… deve dar muito certo. Vou tentar e acertar dessa vez. Peço ao Chefe Felipe uma receita-video, pra que a gente possa vê-lo cozinhar e se deliciar com o quadro.
    O vídeo do Alberto Landgraf é uma perfeita aula de como não errar no corte. Fiquei impressionada com a sua habilidade. Eles, os Chefs, possuem a destreza de transformar poucos ingredientes, em verdadeiras surpresas ao nosso paladar. E essa, sem dúvida, é a alquimia, a mágica gostosa que nos transporta ao passado. Abração!

    • Olá Beti!
      Excelente comentário!
      Realmente muitas pessoas devem ter crescido com a mesma experiência (ou seria trauma?rs) que você. Que a carne de porco faz mal, que foi almodiçoada, que transmite doenças, etc.
      Infelizmente, alguns criadores ainda utilizam processos antigos e sem controles para criar porcos, mas isto vem mudando e prova disto é como o consumo desta carne tem aumentado.
      Sou um mega fã desta carne e nunca tive nenhum problema com intoxicação ou outra coisa.
      Arrisque no preparo desta carne, tenho certeza que terá boas surpresas! Prometo postar um vídeo ou receita de carne de porco em breve!

      Abraços

  2. […] adoro porco, tanto que já até fiz esse post dedicado à ela. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Receba as atualizações do Indo pra Cozinha por e-mail

Junte-se a 309 outros seguidores

Arquivos

%d blogueiros gostam disto: